Benefícios do Pilates durante a gestação

Gravidez, Lifestyle Gravidez

26 de Fevereiro de 2021

Para preparar uma gestação saudável é imprescindível uma alimentação saudável e o exercício físico! Quem beneficia é a mãe e, claro, o bebé.

Para a mãe

A prática de Pilates pode ter um papel muito positivo na saúde da mulher grávida. Vejamos alguns:

  • Aumenta a energia, força e resistência;
  • Diminui dores associadas às alterações esqueléticas e hormonais;
  • Evita o aparecimento da diabetes gestacional e pré eclampsia;
  • Proporciona um parto normal mais rápido;
  • Evita uma diástase patológica;
  • Evita incontinência urinária, prolapsos, obstipação, hérnias e dor lombar;
  • Ajuda no prazer na mulher;
  • Evita a depressão.

Para o bebé

  • Pode prevenir o aparecimento de doenças crónicas;
  • Prepara para um parto normal.

Os movimentos são adaptados a cada mulher e a cada trimestre da gestação.

1º trimestre

  • Até às 12 semanas.
  • É o período em que ocorre implantação do óvulo fecundado no útero. Este
    ainda na bacia.
  • Começo de alterações hormonais. Surgem sintomas como enjoos,
    sonolência, obstipação, sensibilidade mamária e emocional.
  • Exercício ajuda na circulação sanguínea.

2º trimestre

  • Até às 26 semanas
  • Diminuição dos sintomas anteriores
  • Útero passa par a cavidade abdominal
  • Aumento do peso
  • Sentir os primeiros movimentos
  • Reforçar o pavimento pélvico.
  • Evitar exercícios que aumentam a pressão intra-abdominal
  • Deve-se evitar o decúbito dorsal sem elevação.
  • Habitualmente, pode aparecer dor lombar, uma vez que a pélvis está a
    preparar-se para o parto, e neste a caso o exercício pode melhorar essa
    sensação

3º trimestre

  • Até às 40 ou 41 semanas
  • Crescimento do bebé
  • Dor lombar pode aparecer também neste trimestre
  • Dificuldade em respirar e em dormir
  • Preparar a mãe para o parto

Em todos os trimestres, mantenha o exercício aeróbico, nomeadamente, com caminhadas. Este exercício é contraindicado em caso de placenta prévia. Neste caso, mantenha exercícios como o Pilates.

Artigo escrito por  Sandra Sousa, Licenciatura e Mestrado em Desporto e Educação Física pela Universidade do Porto e fundadora do projeto ArteMovimento

Fazer exercício durante a gravidez

Partilhar artigo

Artigos Relacionados